Jaraguá do Sul, SC   (47) 98894-5468

O tamanho das suas roupas não define quem você é

Já pensou se na sua carteira de identidade constasse o número dos sapatos que você calça ou o tamanho das blusas que você costuma usar? Isso seria um absurdo! Então porque deixamos que esses detalhes definam o jeito que percebemos nosso próprio corpo?

 

O seu visual depende, dentre outras coisas, de como as peças se harmonizam com o seu biótipo. Roupas muito justas ou muito largas mudam drasticamente as suas formas e dão uma impressão errada sobre quem você realmente é.

 

Neste post, você entenderá melhor como funcionam (ou como não funcionam) os padrões que regulam os tamanhos de roupas no Brasil. Você também vai descobrir porque é importante assumir os seus números, mesmo que eles não sejam um 38. Vamos lá?

 

Em busca do tamanho ideal

em_busca_do_tamanho_idealPode parecer óbvio, mas o tamanho ideal para as ruas roupas é aquele que cabe em você. Isso mesmo! Você deve se vestir conforme o corpo que você tem e não de acordo com o que você gostaria de ter.

 

Para isso, é preciso uma boa dose de realismo, mas eu garanto que o resultado vale mais do que qualquer sonho de um corpo perfeito. Se precisar, não tenha medo de testar até descobrir qual a numeração mais adequada para você.

 

Vestir o tamanho certo é saudável

Tamanho_saudávelUma peça mais larga pode te deixar com uma aparência desleixada, enquanto uma peça muito justa pode acentuar excessivamente as suas curvas. O tamanho ideal valoriza o que há de bom no seu corpo e suaviza o que você prefere disfarçar. Além disso, peças no tamanho certo evitam problemas de circulação e o aparecimento de varizes.

 

Padronização que não funciona

Em 1968, a ISO, entidade internacional que determina a padronizações de processos e produtos, determinou que os tamanhos de roupas deveriam ser proporcionais aos biótipos de cada país. Acontece que desde então não houve revisão desta regra e dados indicam que a população mundial engordou bastante nos últimos anos.

 

Além disso, as empresas que fabricam roupas não costumam acatar a padronização das modelagens, o que facilita a ocorrência de peças com uma mesma numeração, mas com tamanhos distintos.

 

Atenção na hora de comprar

Se as empresas de vestuário não estão interessadas em adotar um sistema único de numeração, isso significa que a mesma peça pode ter tamanhos diferentes dependendo da marca que você escolhe.

 

Uma calça de número 42, pode ser do tamanho de uma 40 de outra marca e vice-versa. Por isso, é preciso cuidado na hora de escolher o que levar para casa. Compre somente aquilo que você experimentou e que casou com o seu físico.

 

Dicas preciosas para o tamanho perfeito

Confira algumas dicas superlegais para que você compre apenas peças que valorizam a sua imagem pessoal:

 

  • CALÇA JEANS: o jeans é um tecido coringa que abrange desde looks casuais até um visual mais formal. O jeans perfeito, deve ser confortável e vestir bem. Conheça e se encante com as opções disponíveis na Loja Virtual Flávia Christina;

 

  • SUTIÃ: o sutiã é o melhor amigo da mulher, mas também pode ser o pior inimigo. O tamanho ideal é aquele que suaviza o balanço enquanto você anda e ainda contribui para melhorar a sua postura. Confira o Guia do Sutiã da revista Cosmopolitan;

 

  • CALÇADOS: nada pior do que andar por aí com um sapato que aperta ou que esteja muito grande e não pare no lugar. Para escolher o tamanho ideal, opte por aqueles que ficam bem presos, mas sem te machucar;

 

  • BLUSAS: uma blusa apertada pode acentuar as suas curvas e uma muito grande vai achatar a sua silhueta. Opte por aquelas que ficam confortáveis sem muita sobra de tecido nos lados.

 

Não deixe que um número te defina

Não deixe que um número te definaAgora que você já sabe que os tamanhos das roupas que você compra não são padronizados, pare de se preocupar em comprar sempre o menor para não se sentir mal. Essa escolha acaba saindo pela culatra já que as peças escolhidas não vão valorizar o seu corpo.

 

Não deixe que o número das suas roupas te defina. Você é muito mais do que isso. Caso encontre dificuldades em descobrir qual a numeração ideal para você, conte com o apoio dos serviços da Consultoria de Imagem.

 

Minha mensagem final é a seguinte:

 

Não deixe que as roupas usem você, você é quem deve usá-las!

 

Nenhum comentário
Deixe seu comentário:

RECEBA NOSSAS PUBLICAÇÕES: 

E-BOOK GRATUITO
TRUQUES DE ESTILO